9
 
O que tem mais valor na vida é a própria vida! O nosso inconsciente está preparado para defender a vida a todo o custo, rapidamente, sem sequer se questionar e muitas vezes não damos conta disso.
 
Por exemplo, quem conduz e já passou por um susto ao volante, sabe que há um mecanismo interno capaz de tomar decisões muito repentinamente para evitar um acidente e não se consegue explicar. Há um raio de clarividência, uma mobilização espontânea de recursos internos que nos orienta para a sobrevivência.
 
Além disso, há comportamentos sociais que valorizamos e que adquirimos com a cultura, com a socialização primária (na família) e com a socialização secundária (com o resto da sociedade), que se tornam valores para nós.
 
Mas há mecanismos mais profundos que estão relacionados com as funções do nosso sistema psíquico. Todos vimos equipados com 4 funções básicas: a mental, a intuitiva, a sensitiva e a emocional. A forma como estas funções evoluem e o modo como se conjugam é muito pessoal e particular em cada indivíduo, e determina a nossa personalidade. Cada tipo psicológico tem associadas necessidades específicas e a sua satisfação é bastante valorizada por nós. Por exemplo, as pessoas mais intuitivas valorizam o reconhecimento pessoal, as que são mentais apreciam a segurança e a estabilidade, as mais sensitivas estimam a aventura e a variedade e as pessoas emocionais valorizam mais as ligações aos outros e o afeto. A fonte principal dos nossos desejos está diretamente relacionada com essas necessidades.
 
Por vezes, temos dificuldade em entender os outros porque, como têm combinações das funções da psique diferentes das nossas, têm personalidades diferente da nossa e como tal valorizam outras coisas. E temos dificuldade em aceitar a diferença.
 
Além disso, existem ainda as questões dos interesses pessoais, que são fruto da combinação das nossas crenças, valores, necessidades e simplesmente preferências.
 
Porque é que eu não perco um minuto com futebol? Não é a minha preferência. Só isso.
 
Sob o ponto de vista mais profundo, há valores que são transversais a toda a civilização ocidental: a justiça, a liberdade e a verdade são exemplo disso.
 
Depois há um sem número de coisas que valorizamos, quer sejam comportamentos pessoais ou sociais.
 
Mas também importa dizer que os valores são algo muito profundo da nossa psique e que quase sempre inconscientemente determinam o nosso comportamento, a nossa atitude e até mesmo a nossa identidade.
 
Em resumo, para a pergunta “o que tem mais valor na vida?” a resposta nunca pode ser absoluta e depende sempre de pessoa para pessoa.
 
Mas desde logo tem valor a própria vida, a nossa cultura social e a satisfação das nossas necessidades biológicas e psicológicas.
 
telefone_metta.png

seguir redes sociais

testemunhos reais dos nossos clientes

marca a tua primeira sessão de descomplicação

sessão de coaching online

todos os dias entre as 10 e as 20 horas

Zoom, Hangout ou Skype

Sessão de coaching no Porto

todos os dias entre 10 e as 20 horas.

Rua de Sarmento de Beires, 336 loja D

Sessão de Coaching em Gaia

às terças entre as 14 e as 18 horas

Av. da República 1629 4º Esq

Paredes

às segundas entre as 14 as 19 horas

Rua Ernesto Brito, nº 88 r/c dto Sobreira

Conceitos de coaching

Formação especializada em Coaching