Para abrir o apetite em relação ao que pode ser o processo de coaching, descobre algumas das ferramentas normalmente utilizadas.

 

 

 

 

Journaling - Escrever sobre ti

Uma das técnicas que podes ser convidado a utilizar é a escrever sobre ti próprio. Os anglosaxónicos utilizam o termo "journaling" para definir a prática de escrever sobre si próprio. É uma grande ferramenta de coaching que permite expressar os teus pensamentos e sentimentos de forma construtiva, definir mais claramente a realidade, ter uma noção mais concreta dos teus objetivos, obter maior auto-consciência e muito mais.

O teu coach pode optar por atribuir temas instigantes para que escrevas sobre eles tendo em vista o aprofundamento das questões que estão a trabalhar.

Esta técnica, utilizada com bastante sucesso, tem vários objectivos nomeadamente a manutenção do foco e o fortalecimento da objetividade aumentando a eficácia dos processos.

 

Monitorização de objectivos

Coaching é uma forma de te ajudar a diminuir a distância entre onde estás e queres estar. Definir metas e traçar o progresso em direção a essas metas é fundamental para ajudar-te a saber o que queres, para criar a motivação para alcançar teus objetivos e para criar um caminho claro, objectivo, progressivo e concretizável para chegares lá.

Os grandes propósitos da vida são normalmente compostos por um conjunto (maior ou menor) de pequenos objetivos. Quando se faz esta desconstrução, fica mais fácil entender que passos é que precisas de dar para atingir determinado objetivo.

É então essencial criar uma forma de medir e monitorizar a tua evolução.

 

TPC, life coaching em ação

O maior benefício do coaching é ajudar-te a criar novas estratégias, comportamentos e perspectivas. O teu coach vai pedir-te para agir, nomeadamente através da marcação de TPC's. Estas tarefas são a forma mais adequada de te levar a entrar imediatamente em ação, com vista a alcançar os teus objetivos, tomando medidas concretas.

Os TPC´s são definidos - com base no trabalho efetuado nas sessões -  de forma específica, mensurável e temporizada, o que quer dizer que fica desde logo acordada a tarefa, a forma de medir o teu cumprimento e o período em que deverás fazê-la, encaixando com as outras tarefas do teu dia-a-dia.

Esta estratégia, comum a todos os tipos de coaching, é utilizada para que te comprometas de imediato com a ação, desencadeando as tarefas necessárias ao alcance dos teus objetivos, responsabilizando-te assim diretamente com eles, percebendo claramente que alcançar as tuas intenções depende maioritariamente da tua capacidade de execução. Os resultados que vais conseguir atingir, ainda que constituam pequenos passos, vão desencadear a crença de que afinal és capaz de agir e que essa ação produz efeitos concretos, o que é extremamente motivador.

 

Avaliação

A avaliação do teu estado atual e a determinação do estado em que desejas estar, são fundamentais para o processo de Coaching, uma vez que o objectivo é precisamente encontrar e percorrer um caminho entre estes dois pontos. Imagina um aparelho de GPS para perceber que para calcular uma rota ele precisa de saber onde está e onde quer ir. Quando se tem um ponto de partida e um destino claro, o passo seguinte é traçar um caminho que possas percorrer com os recursos disponíveis. Naturalmente que para isso é preciso escolher entre caminhos possíveis, mediante a seleção de opções, como velocidade, tipo de percurso, tipo de veículo, etc.

Na tua primeira sessão de coaching serás convidado a fazer uma avaliação objetiva da tua vida nesse momento. É um processo divertido e que te vai permitir aprofundar o autoconhecimento. Depois, é preciso perceberes quais são os teus valores, princípios e objectivos – não te assustes, porque muitas vezes o primeiro objectivo da sessão de coaching é precisamente encontrar objetivos.

Nesta abordagem inicial, ficarão claras as primeiras prioridades e será fácil escolheres qual a área em que pretendes focar o esforço e atenção. Vão surgir objectivos, mesmo que sejam pequenos. O passo a seguir é transformar esses objetivos em passos que precisam ser dados, definindo metas intercalares, que vão ser monitorizadas através de avaliações. Essas avaliações servem para identificar obstáculos, prioridades, desafios e oportunidades, permitindo-te direcionar o foco para o que é mais importante em cada momento.

É um processo divertido e extremamente motivador, porque provavelmente vais perceber que a maioria das tuas preocupações são inúteis e que afinal é possível atingir os teus objetivos. A título de exemplo, imagina que estás a lutar contra a falta de tempo. Normalmente a falta de tempo é originada por falta de gestão das prioridades, das tarefas e atividades. Com a avaliação vais compreender as suas limitações e as tuas prioridades, descartando tudo o resto. Libertador, não te parece?

 

Porque não procuras um coach hoje mesmo?

A metta.pt disponibiliza sessões de coaching personalizadas, que podem decorrer no Porto, em Gaia, em Paredes ou por Skype/Hangout.
 
Os nossos serviços de coaching são prestados pessoalmente pelo Emanuel Almeida, CEO da metta.pt, muito orientado para resultados rápidos e duradouros. Os seus processos de coaching são muito orientados a métricas específicas, previamente definidas como indicadores de performance do cliente e dos resultados obtidos. Para mais informações sobre o Emanuel, coach e CEO da metta.pt, por favor clica aqui!
 
Para solicitar um contacto para agendar a sua primeira sessão, ou para obter esclarecimentos, por favor clica no botão "+ informações"
 
info