polo verde 250

Emanuel Almeida
fundador da metta.pt

Já foi há muitos anos que percebi que o conhecimento é a maior fonte de poder da atualidade. Ele tem a capacidade de nos fazer ser mais produtivos, mais equilibrados, mais assertivos, mais envolvidos e mais satisfeitos com a vida de uma forma generalizada.

A metta.pt nasceu precisamente para ajudar as pessoas a vencer o sofrimento causado pela falta de conhecimento, também conhecida como ignorância.

Desde há muitos anos que percebi que o conhecimento é a maior fonte de poder da atualidade. Ele tem a capacidade de nos fazer ser mais produtivos, mais equilibrados, mais assertivos, mais envolvidos e mais satisfeitos com a vida de uma forma generelizada.

Há 4 níveis, 4 etapas para subir no que respeita ao conhecimento.

Num primeiro nível, em que estão infelizmente a grande maioria das pessoas, é aquilo a que chamamos de ignorância inconsciente. A pessoa sabe o que sabe e pensa que o que sabe é tudo o que existe e que por isso não é necessário aprender nada mais. Este estado é particularmente perigoso porque alimenta um ciclo de perpetuação da ignorância. Pode ser inglório dizer a uma pessoa que esteja neste estado que pode haver outras coisas interessantes que desconheça, outras formas de fazer e de ser que poderão resultar melhor para a resolução dos seus problemas práticos do dia-a-dia e para a construção da sua felicidade. Acha que sabe tudo (e sim, sabe tudo o que sabe, mas ignora completamente tudo o que não sabe). Reconhece-se facilmente porque é uma pessoa que se vitimiza, tem um discurso destrutista, reclama com tudo e com todos e procura sempre culpados para a sua insatisfação com a vida.

O segundo nível é de ignorância consciente. A pessoa reconhece que pode haver muitas coisas que não sabe e ás vezes admite que o conhecimento certo pode trazer a resolução dos seus problemas. Quanto maior é o nosso conhecimento, maior é a nossa capacidade de análise objetiva da realidade e a nossa capacidade de construir uma perceção realista dos cenários e nas circunstâncias que encontramos. Este nível é excelente porque nos abrimos à aprendizagem e com ela a uma nova forma de compreensão da realidade: e quanto melhor for a nossa compreensão e perceção das circunstâncias, maior será a nossa capacidade de decidir em função daquilo que realmente queremos.

O terceiro nível é o do conhecimento consciente. Aqui a pessoa já efetuou uma série de aprendizagens e conseguiu adquirir uma série de conhecimentos específicos que permitem ter uma melhor perceção da realidade e com isso tomar melhores decisões, orientadas às questões práticas do dia-a-dia, mas ainda tem que fazer algum esforço para conseguir organizar, sistematizar e utilizar informações úteis para construir uma vida mais produtiva e mais plena de significado.

O quarto nível é o da competência inconsciente, o nível da verdadeira sabedoria. Neste nível, a pessoa integra facilmente os conhecimentos adquiridos, relaciona-os e é capaz de os adaptar automaticamente a múltiplos cenários. Com isto consegue ter uma compreensão mais abrangente do mundo que a rodeia e consegue encontrar sempre soluções, quaisquer que sejam os problemas. Além disso, caminha de forma segura, inspirada e inspiradora em direção aos seus ideias, aos seus propósitos. É uma pessoa sempre satisfeita com a vida e reconhece-se pelo ar seguro, tranquilo e pela felicidade que irradia e que contagia todos os que as rodeiam.

Estes degraus são aplicáveis a todas as pessoas e a todas as áreas do conhecimento. Cada pessoa valoriza mais umas áreas do que as outras e ainda bem que é assim; deste modo podemos crescer e evoluir – enquanto sociedade. Vivemos de partilhas e de responsabilidades partilhadas.

Todos temos a missão de nos desenvolvermos enquanto humanos.

Sejam quais forem os nossos interesses particulares, há sempre possibilidades de vencer a ignorância e o sofrimento que ela reboca.

Agora é uma questão de exame de consciência e de escolha. Em que nível estás, em que nível queres estar?

Se estás no primeiro nível deves estar a contorcer-te todo(a) e a dizer que este texto não faz sentido e seguramente foi escrito por alguém que ignora as tuas circunstâncias particulares, porque se as conhecesse teria pena de ti e saberia que não é bem assim. Se estás neste nível queria felicitar-te por teres lido até aqui. É um sinal de que estás a começar a despertar. Estás a ficar preparado(a) para dar o salto.

Se estás no segundo e no terceiro nível, estamos prontos para arregaçar as mangas contigo e para trabalhar na aquisição de competências de que precisas. Seja através dos processos individuais de coaching – nos quais podemos compreender o que precisas de saber e criar caminhos para que possas adquirir essas competências, seja através das nossas formações especializadas.

Se estás no quarto nível, o da sabedoria, precisamos de ti. Estamos a preparar-nos para te poder ajudar e espalhar esse conhecimento para outras pessoas, que com podem libertar-se o sofrimento causado pela ignorância. Vamos falar sobre como podes partilhar e inspirar outras pessoas?

Uma vez compreendido que teu o sucesso (seja lá o que ele significar para ti) é um resultado do somatório da tua atitude com as tuas competências, estamos prontos para te receber e para te ajudar a assumir o seu Poder de construir liberdade, significado e felicidade.

Estão feitos os desafios. Agora já só depende de ti.

Temos uma vasta agenda de formações de coaching e de meditação que podes conhecer clicando aqui.

Se preferires começar com uma conversa para compreenderes como te podemos ajudar, clica aqui e marca uma sessão de coaching gratuita. Agora já estou disponível todos os dias, presencialmente (no Porto, em Gaia ou em Sobreira-Paredes) e também online. A primeira sessão é sempre grátis e por isso não há nada a perder.

Estamos juntos para mudar o teu mundo.

Abraço e muita metta

Pesquisar

telefone_metta.png

Agenda

Não há eventos programados

seguir redes sociais

Explora mais assuntos no nosso blog de desenvolvimento pessoal